24.8 C
Campo Grande
sábado, 27 de novembro de 2021

Carlão diz que congelamento do IPTU vai atender população penalizada com impactos da pandemia

- Publicidade -

Durante a sessão desta terça-feira (09), o vereador Carlos Augusto Borges (Carlão PSB), presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, afirmou que a aprovação do Projeto de Lei Complementar 776/21 do Executivo que garante congelamento do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), atende os interesses da população que durante a Pandemia sofreu muitas perdas econômicas. A proposta foi elaborada pelo Poder Executivo e tramitou em regime de urgência na Casa, sendo aprovada pelos vereadores.

“É uma autorização ao prefeito para não aumentar o IPTU, tendo como justificativa essa questão da pandemia. Hoje, temos 15 milhões de desempregados, que não tem como reajustar o salário, por exemplo. É difícil e a Câmara está ajudando quando aprova um projeto dessa magnitude”, disse.

Dia do Sociólogo – Também foi aprovado em primeira votação e discussão o Projeto de Lei 10.149/21, do vereador Carlão, que institui o Dia do Sociólogo em Campo Grande. A vereadora Camila Jara parabenizou a inciativa da Lei e pediu para assinar como coautora da matéria.

“Esta proposição foi encaminhada a meu gabinete pelo Cientista Político e Sociólogo Mateus Rosa Tognella, vice-presidente da ANASO – Associação Nacional dos Sociólogos e Sociólogas, que tem buscado em todo país apoio para aprovar esta data em homenagem ao Sociólogo que desenvolvem e utilizam um conjunto variado de técnicas e métodos de pesquisa para o estudo das coletividades humanas e interpretação dos problemas da sociedade, da política e da cultura”, reforçou Carlão na justificativa do Projeto que segue para segunda votação.

Janaina Gaspar 

Assessoria de Imprensa do Vereador

Leia também

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -
- Publicidade-