20.8 C
Campo Grande

Mais de 1,1 mil propriedades rurais aderiram ao ‘Campo Mais Seguro’

- Publicidade -

Criado para coibir roubos e furtos em propriedades da zona rural, o Programa Campo Mais Seguro já tem mais de 1,1 mil unidades rurais cadastradas.

Lançado em março deste ano, o programa já está presente oficialmente em 20 cidades, incluindo a Capital, Campo Grande, fazendo o monitoramento georreferenciado. De acordo com o coordenador adjunto do Campo Mais Seguro, tenente-coronel Antônio José Pereira Neto, 1.188 propriedades rurais já receberam a visita da Polícia Militar e foram cadastradas no programa.

Ele explica que existem as visitas comunitárias e as solidárias.

Os policiais militares que integram a equipe foram capacitados e treinados para atuar em todos os biomas do Estado, do o cerrado ao Pantanal, e receberam 27 viaturas que serão usadas no trabalho de policiamento.

Entre janeiro de 2020 e fevereiro de 2022, o crime com maior número de ocorrências registradas em Mato Grosso do Sul foi o furto de animais (Abigeato), seguido pelo roubo e furto de adubos, agrotóxicos e fertilizantes e roubo e furto de maquinário agrícola, como colheitadeiras, pulverizadores, semeadeiras e tratores agrícolas.

Em 2020 foram registrados 514 furtos de gado e em 2021 foram 529. Neste ano, até abril, foram 73 casos deste mesmo crime.

Fonte: Governo do Estado do MS

Leia também

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -
- Publicidade-